Notícias

PT e Dilma discutem ações conjuntas para derrotar o golpe

A presidenta eleita Dilma Rousseff se reuniu, na terça-feira (28), com a Executiva Nacional do Partido dos Trabalhadores. O encontro aconteceu no Palácio da Alvorada, em Brasília, e contou com a presença do presidente do PT, Rui Falcão; do secretário de Comunicação e vice-presidente, Alberto Cantalice; do secretário de Finanças, Marcio Macêdo; do líder do partido na Câmara, deputado Afonso Florence (PT-BA), entre outros representantes da sigla.

De acordo com Rui Falcão, durante o encontro, a presidenta fez uma “apreciação” sobre a conjuntura política do país, das razões do golpe, das possibilidades de ela retornar à Presidência com novos compromissos com o país e sobre o diálogo constante que tem mantido com os senadores.

Ainda segundo o presidente do PT, Dilma deve divulgar esses compromissos através de uma “carta” aos brasileiros. “Ela tem umas 3 ou 4 propostas que serão examinadas com os partidos que a apoiam e também com a Frente Brasil Popular e Frente Povo Sem Medo”, disse Rui.

A Executiva do PT sugeriu que a presidenta continue com as viagens, apesar da restrição imposta pelo presidente golpista Michel Temer (PMDB). Após parecer da Casa Civil, o governo golpista restringiu o uso de aeronaves da Força Aérea Brasileira (FAB) por Dilma. Para fazer os trajetos fora da rota Brasília-Porto Alegre, a presidenta deverá fazer o ressarcimento dos gastos com as viagens.

“Também sugerimos que ela siga com as entrevistas, principalmente com a imprensa internacional e com o rádio. E que Dilma mantenha uma coordenação política cotidiana para conseguir a volta à Presidência da República”, contou Rui Falcão.

Para fazer o ressarcimento das viagens, deverá ser lançado, ainda nesta semana, umcrowdfunding. “Ela precisa de recursos e duas amigas dela estão lançando um crowdfundingque vai ser arrecadação através do site Catarse”, explicou o presidente do PT.

Além da Executiva do PT, participaram da reunião os ministros do governo eleito Jaques Wagner e Ricardo Berzoini.

Comunicação Deputado Federal Rubens Otoni