Notícias

Deputado apoia congresso nacional para discutir saúde pública

“Saúde, Desenvolvimento e Democracia: o desafio do SUS universal” é o tema do 11º Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva que acontece até  sábado (1º), em Goiânia. O encontro reúne mais de cinco mil pesquisadores e discute temas dos diversos campos da saúde, como o Programa Mais Médicos, financiamento da saúde, estudos epidemiológicos em câncer, soberania alimentar, consumo e saúde, Aids/HIV, planos de saúde, SUS, entre outros. A abertura das atividades aconteceu nesta terça-feira (28) e contou com a presença de várias autoridades, entre elas, o deputado federal Rubens Otoni.

“O Congresso é um dos mais importantes fóruns científicos da área em todo o mundo. Vim dar a minha colaboração e fortalecer o meu compromisso com a saúde do nosso Estado e com os programas oferecidos pelo Governo Federal em todo o Brasil”, destacou Otoni.

O evento, promovido pela Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco) e conhecido como Abrascão, está acontecendo na Universidade Federal de Goiás (UFG). “O presidente do Congresso e professor da UFG, Elias Rassi, enfatiza a importância da iniciativa para o debate nacional de Saúde. “O congresso da Abrasco vem construindo um conjunto de debates sobre Saúde, mundialmente e no Brasil. Além disso, resgata as produções anteriores de saúde, agregando as discussões em um debate mais amplo, que esperamos que aconteça em Goiânia”, afirma.

Abrascão

A 11ª edição do Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva deve trazer para Goiânia, pesquisadores, docentes, estudantes de graduação e de pós-graduação, e profissionais da Saúde. Foram selecionadas pela comissão científica do congresso 4.733 apresentações que irão compor as sessões de comunicação coordenada, divididas em 16 eixos. Além das comunicações, os principais especialistas nacionais e convidados internacionais participarão de 110 sessões científicas. Serão mesas redondas e palestras propostas pelos grupos temáticos da associação.

Informações da Abrasco